Obtendo...

 

 

Domingo, 10 de dezembro de 2017

VC no Acesse

acessepiaui@hotmail.com

19/04/2017 - 08h54

Compartilhe

VC no Acesse

acessepiaui@hotmail.com

19/04/2017 - 08h54

A criminalização da política serve a impostores e déspotas

Avaliar publicação       0
Acesse Piauí

Vejamos os números. O Senado Federal se compõe de 81 membros. A Câmara dos Deputados, de 513. Dos senadores, 57 (70%) não foram objeto de pedido de inquérito. O mesmo em relação 474 deputados (92%). Dos 27 governadores, 15 (55%) não são objeto de pedidos de inquérito. Apesar dos números, a mídia logo afirmou que o sistema político ficou "em ruínas". As redes sociais passaram a destilar ódio e prever o "fim do mundo".

 

Os inquéritos abrangem 12% da totalidade dos membros do Congresso Nacional, composto de 594 (deputados e senadores). Está-se, com aquela afirmação, pretendendo que o sistema político seja integrado somente por políticos com mandato e que 12% destes sejam o todo. Estamos diante do erro lógico da generalização empírica, apontado por Karl Popper.

 

Outra coisa "denuncia" não é condenação.

 

Há que se esperar o julgamento.

 

A criminalização da política serve a impostores e déspotas. Crise política se resolve pela política.

 

------------
Nelson Jobim - jurista, ministro aposentado do Supremo Tribunal Federal. 


  Tags:

sem tags

Comentários

Atenção! Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Página inicial

Listar mais